[Arq & Decor] Ana Paula Gravina: sofisticação e funcionalidade

Carinho e atenção aos detalhes podem fazer toda a diferença em um ambiente. Deixar tudo mais funcional, bonito e adequado ao gosto do cliente é uma das atribuições do Design de Interiores, área que tem crescido bastante em Santos e região, tanto em projetos residenciais como corporativos.

Ana Paula Gravina é formada pela Escola Panamericana de Artes (EPA), apaixonada por design e por interiores e encontrou sua realização profissional unindo as duas paixões no Design de Interiores. Ela começou na área ajudando um construtor na escolha de revestimentos e acabamentos de suas obras, sem compromisso.

web__AM31635_tratada

“Depois fiz um curso prático e adquiri um pouco de técnica e conhecimento para realizar mais alguns trabalhos. Fui me interessando cada vez mais e sentindo a necessidade de obter cada vez mais conhecimento, alpem de ter outras experiências na área”, conta Ana Paula, que começou então a trabalhar em uma loja de móveis convencionais e se apaixonou de vez pelo design de interiores.

web__AM31726_tratada

A designer acredita que o diferencial do seu trabalho, assim como de qualquer bom trabalho, é o total comprometimento com cada um dos projetos que realiza. “Cada projeto é elaborado com muita atenção às necessidades e sonhos de cada cliente, por meio de muita pesquisa e dedicação”, afirma.

Assim, com o seu trabalho de design de interiores, ela consegue desenvolver e transmitir ao projeto a personalidade e estilo de vida de cada cliente, criando espaços com funcionalidade, praticidade e harmonia.

web__AM31987_tratada

E é isso que, a cada projeto, a deixa mais apaixonada e satisfeita. “Posso dizer que sou muito realizada profissionalmente e que cada projeto é um aprendizado novo”, ressalta a designer. “Acredito que todos os trabalhos que realizo tenham seu destaque, pois cada projeto tem sempre um diferencial, um desafio, uma nova experiência, dessa forma todos acabam sendo únicos e especiais para mim”, completa.

Com tudo isso, quer saber qual é a parte do trabalho que ela mais gosta? “Superar as expectativas dos clientes, tornando possíveis seus sonhos”, pontua Ana Paula.

web__AM31510_tratada

O processo criativo da designer é dividido em três etapas, que fazem a gente até acreditar que é um trabalho simples. Primeiro, ela identifica a base essencial – as necessidades – para chegar no objetivo desejado. Em cima disso, pensa em ideias e soluções e, por fim, torna essas ideias e soluções factíveis.

E é nessa etapa – de tornas as coisas factíveis – que Ana Paula gosta de trabalhar com móveis planejados, que ela incorpora em seus projetos. “Os móveis planejados resolvem desafios com melhor aproveitamento e adequação dos espaços, organizando e decorando os ambientes. Podendo ainda integrá-los ou até mesmo dividí-los com uma aparência mais sofisticada, padronizando e personalizando a mobília”, explica.

web_7.1_v2
Um exemplo é um projeto de Ana Paula com estilo contemporâneo que traz ambientes sofisticados, traduzido na personalidade dos clientes e na escolha de materiais e mobiliários. Foram utilizados produtos SCA em praticamente todos os ambientes, pela variedade de acabamentos em cores e texturas, e seu conceito inovador.

“Uma peça chave do projeto é o balcão em Slimstone retroiluminado na varanda, que destaca o desejo do morador em ter um espaço de descontração, integração e sofisticação para receber os amigos”, ressalta a designer.

WhatsApp Image 2017-06-01 at 13.02.38

 

juliana