[Arq & Decor] Casa de praia: sonho ou pesadelo?

O verão acabou e mais uma vez você não concretizou o sonho de ter ou reformar a casa de praia. E quando você começar a pesquisar, vai encontrar reportagens com essa pergunta e opiniões variadas, umas de encantamento, outras nem tanto e várias desastrosas.

Foto: André Monteiro
Foto: André Monteiro

Alguns itens são indispensáveis para o seu refúgio praiano ficar impecável:

Estilo (rústico ou design): referências ao universo de praia são bacanas, mas isso pode – e deve! – ser agregado ao seu estilo.

Cor: é o momento de ousar! Pode até ser em pequenos detalhes ou pinceladas de cor.

Móveis: invista em materiais práticos e fáceis de lavar, como tecidos impermeabilizados e fibras sintéticas.
Revestimentos: práticos e funcionais.

Áreas integradas: ambientes amplos e multiuso, que promovam interação.

Quartos: a prioridade é o conforto, sem muitos móveis e armários suficientes.

Área de lazer: aproveite áreas externas com churrasqueira, salão de jogos, piscina ou um terraço com rede.

Manutenção: com a casa pronta, programe uma manutenção constante durante o ano. Assim, as coisas não acumulam e você pode curtir a casa sempre que quiser.

É importante lembrar que todos estes itens são apenas diretrizes. Não há receita da felicidade e nem uma regra para não ter aborrecimentos durante a execução ou durante o uso.

A primeira coisa a analisar é: qual será o uso desta casa? Qual é o seu sonho? Relaxar e ter paz, curtir com a família, receber os amigos? Isto tem que estar claro no desenvolvimento do projeto. Imagine uma casa imensa, cheia de quartos e áreas de lazer, para você e sua família, que não gostam de receber. Terá muita manutenção e pouco uso. E pronto, está criado o pesadelo.

Grande e ampla ou pequena e aconchegante, o que importa é a casa ter a função e o uso adequados ao seu estilo de vida.

Não pense que será fácil. Surgirão problemas durante a obra, você terá que tomar decisões e fazer escolhas para adaptar o seu sonho ao seu orçamento. Mas quando projeto estiver finalizado e você começar a curtir a casa, tudo fica para trás. Aí sim, você criou um sonho.

Então chegou a hora de arregaçar as mangas, juntar suas economias e investir nesse sonho. No próximo verão você já estará curtindo seu cantinho, pensado para as suas necessidades!

*Por Juliana Abad, arquiteta